29 de janeiro de 2013

Curiosidade no olhar.



Mudei-me para outra cidade bem diferente e bem maior que a minha terra natal. E isto significa para mim agora não ter mais vizinhos, não conhecer o cidadão que vive na casa ao lado, na quadra ao lado, na casa em frente.
 (Exceto o bonitão).

Que mora na casa rosa a minha frente às vezes da pra ver no rosto dele  que ele fica imaginado que eu estou rindo da cara dele, mas ele não imagina que eu fico mesmo é olhando aquele jeitinho tímido e frio que ele tem. 

O máximo que ele se permite de um contato   é um "oi", meio amarelado, quando encontra alguém na padaria, alguém no açougue, na locadora; alguém que entrar em alguma casa próxima à sua. E isso me incomoda tanto as mascara que coloca no lugar do lixo, do depósito, onde se procura colocar o que é preciso e ficar escondido não visto um espelho de mil faces aonde a luz ocultar as sombras.
Escrevo este texto porque acabei de chegar a uma cidade pequena. E o que encontrei?
Pessoas nas ruas, crianças brincando, gente rindo, gente solta. Engraçado que me veio um cheiro do passado, o da minha rua. Será que era o mesmo daquele lugar?
Sentei-me na porta da pousada e fiquei ali, gostando de estar nesse lugar. Rindo sem conhecer uma pessoa sequer, mas sentindo toda situação isso é maravilhoso.
No entanto a violência fez com que as pessoas se trancassem se escondessem te  olhassem com desconfiança acaso você lance um olhar mais demorado para elas.
 E eu estou aqui parada neste momento olhando e analisando a situação como eles se permitem conhecer quem mora ao lado, na frente, na quadra ou mesmo na cidadezinha toda.
E olha para você com um olhar de curiosidade e ao mesmo tempo seus olhares são de uma tremenda doçura.  Eu sempre digo para os amigos aquelas pessoas que me cativa elas tem um olhar muito especial. E esse povo aqui tem. Esse olhar cativante. De uma maneira estranha mesmo não conseguimos compreender a realidade e a ficção se cruzam, provocando impressões que nos confundem e nos fascinam.
Essa semana promete...  Tchau, meus amores!!! 

╚►PazAmor e Empatia ◄╝

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Seja bem vindo ao meu cantinho.Regras para comentários
1. Comentários postados sem nome não serão mostrados.

2. Comentários com perfis sem acesso ao público também não serão mostrados.

3. Comentários ofensivos não serão mostrados. Ninguém é obrigado a permitir falta de educação.

4. Se você sofre de analfabetismo funcional, então nem leia os textos, pois com certeza não vai entender o que está escrito e seus comentários não serão de acordo com o assunto.

5. Resumindo: se quiser debater e discordar de mim, esteja à vontade. Mas peço gentilmente que seja um debate civilizado. E se você não tem coragem de mostrar quem é, melhor ficar no anonimato e procurar outro blog.

6. A sua liberdade termina onde começa a minha, certo? Se não, qualquer um faria o que desse na cabeça. Assim como cada um deve respeitar o dono da casa ou a soberania de um país, aqui você deve agir da mesma forma.! Ok
OBS: Se seu comentário não foi publicado é porque você não conseguiu adoça o meu cantinho. Não alimente a derrota continue tentando.