1 de outubro de 2012

A magia da comunicação

Havia um cego que pedia esmola numa rua qualquer da cidade.
Todos os dias, um escritor passava por ele, sempre de manhã e à noite.
Em todas as ocasiões, deixava alguns trocados no chapéu.
O cego segurava um cartaz com a seguinte frase:
"Cego de nascimento. Uma esmola, por favor."
Certa manhã, o escritor teve uma idéia: virou o letreiro do cego ao contrário e escreveu outra frase.
Ao passar de volta, perguntou ao cego como tinha sido o seu dia.
O cego, muito contente, respondeu:
"Até parece mentira, mas hoje foi extraordinário! Todos que passavam por mim deixavam alguma coisa. Afinal, o que é que você escreveu no letreiro?"
O escritor tinha escrito uma frase breve, mas que mexia com todos os que passavam...
A frase era:
"Em breve chegará a primavera e eu não poderei vê-la."
A maioria das vezes não importa o que você diz, mas como você o faz.
Por isso, tome cuidado ao falar com as pessoas!
Fale com o coração!
Você será mais bem compreendido...
Esta é a magia da comunicação! 
Um lindo dia!!! 

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Seja bem vindo ao meu cantinho.Regras para comentários
1. Comentários postados sem nome não serão mostrados.

2. Comentários com perfis sem acesso ao público também não serão mostrados.

3. Comentários ofensivos não serão mostrados. Ninguém é obrigado a permitir falta de educação.

4. Se você sofre de analfabetismo funcional, então nem leia os textos, pois com certeza não vai entender o que está escrito e seus comentários não serão de acordo com o assunto.

5. Resumindo: se quiser debater e discordar de mim, esteja à vontade. Mas peço gentilmente que seja um debate civilizado. E se você não tem coragem de mostrar quem é, melhor ficar no anonimato e procurar outro blog.

6. A sua liberdade termina onde começa a minha, certo? Se não, qualquer um faria o que desse na cabeça. Assim como cada um deve respeitar o dono da casa ou a soberania de um país, aqui você deve agir da mesma forma.! Ok
OBS: Se seu comentário não foi publicado é porque você não conseguiu adoça o meu cantinho. Não alimente a derrota continue tentando.