26 de junho de 2012

Nina & Billie.


 Sempre gostei muito de música, e música em geral, sem me ater especialmente a este ou àquele estilo musical.
Até por que além da sonoridade o que me prende são as letras, as reflexões ou divagações que as mesmas me despertam.
E como não pega essas duas mulheres forte que marcaram época, como exemplo, Billie Holiday, e Nina Simone. São duas cantoras que, em minha humilde suposição, Nelson Rodrigues teria dito a seu respeito que “há seis mil anos estava escrito”, que encantaria a todas as gerações contemporâneas a si e as posteriores com sua voz e sua forma de cantar




Não é admissível deixar passar despercebida cantora que foi responsável por influenciar monstros sagrado com Frank Sinatra com seus lamentos em forma de belas canções que embalaram e ao mesmo tempo suplica para que seu amado a ame da mesma forma ou que a deixe partir.  {Ai ai corações apaixonados}.  (Ame-me ou deixe-me)...

Quem nunca teve um alguém assim. Uma pessoa que amamos com toda intensidade; com a alma e o coração, mas que não correspondeu e por mais que desejássemos não conseguimos nos afastar.

Por este motivo, hoje vou dedicar este post, a hum certo monstrinho da lagoa azul,  até  porque eu gosto muito das letras dessas músicas e elas sempre me dizem alguma coisa em certos momentos de vida.


Um lindo dia amorés!!

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Seja bem vindo ao meu cantinho.Regras para comentários
1. Comentários postados sem nome não serão mostrados.

2. Comentários com perfis sem acesso ao público também não serão mostrados.

3. Comentários ofensivos não serão mostrados. Ninguém é obrigado a permitir falta de educação.

4. Se você sofre de analfabetismo funcional, então nem leia os textos, pois com certeza não vai entender o que está escrito e seus comentários não serão de acordo com o assunto.

5. Resumindo: se quiser debater e discordar de mim, esteja à vontade. Mas peço gentilmente que seja um debate civilizado. E se você não tem coragem de mostrar quem é, melhor ficar no anonimato e procurar outro blog.

6. A sua liberdade termina onde começa a minha, certo? Se não, qualquer um faria o que desse na cabeça. Assim como cada um deve respeitar o dono da casa ou a soberania de um país, aqui você deve agir da mesma forma.! Ok
OBS: Se seu comentário não foi publicado é porque você não conseguiu adoça o meu cantinho. Não alimente a derrota continue tentando.