29 de abril de 2011

A donzela e a visita repentinamente de um amor..

Em um reino muito distante, mora sozinha uma linda donzela com os seus sete camundongos brancos.  
Um dia, de muita chuva seu pai, chamar para contar um grande segredo. A donzela toda animada para tudo que estava fazendo para ouvir o que seu pai tinha para conta.
De - repente ele olhar nos olhos dela e diz: - filha encontrei um marido para você?..
Ela sem entender nada responde:- Como assim pai que marido não estou a procura de um..
O seu pai cair na risada e diz que aquilo era uma brincadeira que só queria ver como seria a reação dela sobre o assunto.
Porque o que ele tinha para revela era muito serio.
E mudaria a maneira dela ver as coisas.
 Até porque as pessoas estavam começando a comentar  
 Ela apavorada sem saber do que se tratava pediu para ele conta logo de uma só vez o que tava consumindo suas idéias. Ai ele soltou a pérola da noite. Filha você não é a única donzela que tenho  - Eu tenho outra filha. ( Assim mesmo, bem direto) .
 A donzela sem entende o que se passava na mente de seu pai respondeu com indiferença que bom pra você.
Ai ele chamou sua atenção de novo – dizendo aqui está a foto de sua irmã e eu quero que você vá conhece-lha  por mim.
Aquilo não parecia ser real,  a donzela meio tonta com tudo que acontecia a sua volta.
 Mesmo tão furiosa ela não demonstrou nada para o seu pai e resolver da uma saída reclamando mais que tudo.
- Que droga! Papai como e possível isso! Por que agora?
- Ela encontra sua melhor amiga e começa a conta tudo o que tinha acontecido e sua amiga pede que ela tenha muita calma nessa hora, até porque isso tudo não pode ser tão ruim assim... - disse timidamente sua amiga.
- A donzela como sempre diz: como não pode ser tão ruim? Meu pai ta ficando debiloide. Para  você não ver o tamanho do pepino que ele está se metendo e me colocando junto?.
- Só um chá com biscoito para acalma a  sua temperatura.
A donzela parou e perguntou: - É meio pequeno esse lugar, não?
Sua amiga concordou com ela é sim.. Mais aqui caber eu perfeitinha e sem falar que é muito confortável do que aquele seu castelo  
- E as duais sorriram!!
É verdade como você é uma boneca a casa e igual à dona mais o importante e você ser feliz.
- Tudo bem, tudo bem, pequena amiga eu sei que você tem o pavio-curto feito eu mais hoje,  Só fiz uma pequena observação. Das  inúmeras posses  virtudes que esse lugar tem.
Só que de- repente a xícara cair da mão da donzela ela desesperada tenta esconder.
Só que sua amiga o questiona
- Ei, o que é isso na sua mão?
- Hein? Nada... - disse ela, escondendo a cola atrás do corpo.
- Bem...
- OK, você não quer me dizer o que é...
- Não! Quero dizer, eu adoraria mais não posso entra nos detalhes
- Claro, eu entendo.
-Ótimo.
- É muito difícil. Ser você durante 99,99% dos seus pensamentos ela tem defeito imperdoável, logo só sobra você. Para tudo
A i vem aquela historia.
- Espera aí, o que são defeitos imperdoáveis?
- Use a sua imaginação.
- Ah. Uh.
- Tatu gritou esbaforida, donzela! - - Seu pai quer uma resposta sua agora!
- Diga ao rei que ela se casará com Lancelot, afirmou donzela, sem hesitar - e estaremos esperando essa semana para acertar o casamento e o dote.
Sua amiga não entendeu muito bem o recado que a donzela mandou para o seu pai.
"Como ela pode ser tão segura, pensou sua amiga?
As semanas passaram-se rapidamente e a donzela se revelou uma experiente conversadora e amiga. Da sua própria irmã Claro que às vezes ela irritava (e como!), mas no resto do tempo era doce como uma gatinha.
Ela é tão linda, pensou a donzela e ainda e é minha irmã mais velha  como gostaria de da um abraço , e chamar para  jantar , quem saber  se amanhã não acompanho ela em seu passeio matinal.
No meio da noite a donzela acordou, com sede. Desceu as escadas para pegar um copo d'água. Tinha sonhado com seu futuro amor. Ela tinha visto esse rapaz em um restaurante que costuma freqüenta só que para  surpresa ele é irmão de sua irmã.
Agora com toda certeza do mundo  sabia que tinha que parar com aquela loucura de  sentimento , Pegou o copo e foi para o quarto.
 E  adormeceu ouvindo as suaves  respirações do hóspede ao lado.

 
Ao amanhecer a donzela levantou-se mais cedo do que todos. Não queria ver aquele rapaz novamente sua meia irmã perguntou será que você tá fugindo dele, como nos últimos dias. -  ela não teve resposta.
Porque você não o deixa ti acompanha no passeio para ver o que  pode rola.
 Não a donzela não estava ali para arruma um namorado e sim para conhecer sua irmã.
Seria envolvimento demais.. E era algo que não estava preparada para acontecer.
Sua Irma indagando posso aposta minha vida que meu irmão está afim de você.
- fiquei furiosa com ela por um motivo qualquer tentando ganhar tempo para conta o que eu estava fazendo ali.
Por um momento que fiquei só olhando a cachoeira ele me aparecer  dizendo :- você e uma garota um bocado nervosa e atrevida diga-se de passagem. Perguntando o que  a donzela faria se ele o acarassem e beijassem . Diante da resposta  ele deu um meio sorriso e se afastou.
Seus pensamentos foram interrompidos pelo som de passos de sua irmã.
- Desculpe, pensei que você estivesse sozinha. Mais como vejo acho que não está
-Tudo bem.
Céus, por que ele tinha que estar no caminho dela, quando o que mais queria era ficar sozinha?
- Bem, eu tenho que ir
Andou até a porta. Ele a seguiu.
♥♥♥♥♥ Cinco Minutos depois ♥♥♥♥♥
- A donzela questionou Pare de me seguir.
- Ele não estou te seguindo.
- Então por que está andando exatamente atrás de mim?
- Ei, isso é algum crime?
- Não, mas me irrita.
- Sério?
- É.
- Beleza.
- Você é insuportável, sabia disso?
- Eu sei que você me ama.
- Claro, e os homens ainda acha que são de marte .
A donzela se afastou com passos duros. Por que ele a seguia?
 Ela pensou que ele talvez só quisesse testar os nervos dela, para variar.
- De repente ele aparecer no quarto dela  e agora e a vez dela  questiona o que você  que aqui?..
- Ele nada, só conversar.
- Sobre o quê há essa hora?
- Não sei, talvez o fato que você não fala comigo há séculos, e mim olhar de uma maneira tão estranha ! O que houve?
- Não houve nada, eu sou assim mesmo aceitei a verdade.
- Verdade? Que verdade?
- Que você esconde algo  que da para ver nos seus olhos.
A donzela pensou naquelas palavras e sabia que era hora de ter um aliado. E contou sua historia para ele.
 Que estava ali porque tinha descoberto que sua melhor amiga era também sua irmã
Melhor amiga como assim?
- Sua melhor amiga não é minha irmã, questiona  ele, como pode isso?..
-Eu não sei, só sei que é assim da maneira que estou te contando.  Eu nunca ouvi tanta asneira numa frase só pensei...
Achei que ele ia sair de perto bem  apavorado  só que para minha supresa ele me respondeu em uma só alegria – Isso é  maravilhoso  fica tudo em casa.
E aproximando-se  cada vez mais...
A primeira vez que a vi, não agüentei fica longe de você  nem mais um segundo, e  decidi ficar com você para sempre, a partir daquele minuto - se aproximando cada vez mais da donzela , seus rostos  apenas alguns centímetros de distância - Eu a amo.  
-  Cale a boca.
- Quê?
- Cale a boca. Você me conquistou na asneira numa frase só.
 A donzela não conseguiu dizer nem uma só  palavra, e os dois aproximaram os narizes. E se beijaram.
A donzela movia os lábios lentamente.  Não sabendo que aquele beijo seria o primeiro beijo dele,  naquele momento tão involuntário ela tinha a missão  de trans forma aquele beijo em algo muito especial.
Acariciando a nuca, totalmente embriagada de paixão. As mãos dele desceram até sua cintura, mantendo colado ha seu corpo. Ficaram assim por um longo tempo, abraçados, com os olhos fechados.
- E pela primeira vez ele falou: Nossa irmã deve estar se perguntando o que Deveremos está  fazendo aqui tão quieto  - disse ele, sério - Acho melhor voltarmos.
- Só mais um pouquinho... -
- Vamos, antes que seu pai apareça com uma espada querendo me matar.
Tudo bem...
E melhor mesmo..
- A donzela passou dias maravilhoso ao lado de sua irmã e de uma nova paixão repentina.
 E assim ela  voltar  para o seu castelo tão distante,  mais com uma  única certeza  dentro do coração que tudo nessa vida tem os dois lados positivo e negativo . E que tudo só depende de  como vamos  escolher  a nossa estrada em qual direção vamos dar para nossa vida.
Que você tenha um dia maravilhoso, já estava sentindo a sua falta!!!
 Cheiro!!!
 Walleska Oliveira !!!



Nenhum comentário:

Postar um comentário

Seja bem vindo ao meu cantinho.Regras para comentários
1. Comentários postados sem nome não serão mostrados.

2. Comentários com perfis sem acesso ao público também não serão mostrados.

3. Comentários ofensivos não serão mostrados. Ninguém é obrigado a permitir falta de educação.

4. Se você sofre de analfabetismo funcional, então nem leia os textos, pois com certeza não vai entender o que está escrito e seus comentários não serão de acordo com o assunto.

5. Resumindo: se quiser debater e discordar de mim, esteja à vontade. Mas peço gentilmente que seja um debate civilizado. E se você não tem coragem de mostrar quem é, melhor ficar no anonimato e procurar outro blog.

6. A sua liberdade termina onde começa a minha, certo? Se não, qualquer um faria o que desse na cabeça. Assim como cada um deve respeitar o dono da casa ou a soberania de um país, aqui você deve agir da mesma forma.! Ok
OBS: Se seu comentário não foi publicado é porque você não conseguiu adoça o meu cantinho. Não alimente a derrota continue tentando.