30 de abril de 2011

Auto-estima-significa-gostar-de-si-mesmo-sem-restricões.

1. Permitir-se ser mulher, com direito a tudo que a feminilidade lhe garante: demonstrar suas fragilidades, expor seus sentimentos, cuidar de quem ama e deixar-se ser cuidada.
2. Olhar para si mesma, diante do espelho, cuidadosamente, até descobrir o que tem de mais interessante em seu corpo. Ex.: boca, sorriso, olhar, coxas, mãos, jeito de falar, etc. A partir de então, aprender a usar isso a seu favor, sempre de modo construtivo e criativo.
3. De vez em quando, transformar um dia sacal num dia especial, fazendo algo de que gosta muito sem pensar demais no tempo ou no custo, ainda que seja importante não ultrapassar demais os limites impostos por sua realidade. Enfim, é o seu dia, simplesmente porque você merece!
4. Acreditar num grande amor e, por conseguinte, disponibilizar- se inteiramente para vivê-lo, sem tantas ressalvas, sem tantos medos. E, de preferência, entender que é bem melhor e mais prazeroso viver isso com alguém que também esteja disponível.
5. Acariciar-se – literalmente – por inteira, com um creme de sua preferência. Tocar cada parte de seu corpo, inclusive o rosto e os pés, como se estivesse acolhendo toda a sua alma. E, ao terminar, olhar-se no espelho. Seu brilho estará renovado!
6. Alimentar suas fantasias sexuais sem culpa. Claro que não é preciso realizar todas, mas o simples fato de se autorizar a fantasiar já é o suficiente para descobrir sua sensualidade e vivê-la mais plenamente.
7. Ser mãe, mesmo que não seja de um filho gerado em seu próprio ventre. Talvez, nem seja preciso ter uma criança em casa. Basta exercer seu instinto materno com sobrinhos, crianças carentes ou algum pequenino por quem seu coração tenha maior afeição. Ou seja, cuidar de alguém que precise de você, com dedicação especial.

8. Tomar atitudes produtivas para modificar aquilo que desejar. Seja perder peso, conseguir uma promoção, mudar de área profissional, reconquistar um amor ou recomeçar o casamento. Enfim, arriscar em nome de seu próprio coração.

9. Fazer terapia ou qualquer trabalho de autoconhecimento. Refletir sobre si mesma para conseguir redimensionar seus sentimentos e se aproximar mais de sua realidade pessoal. Sentir-se em franco processo de autodescoberta porque esta é uma oportunidade incrível de reconhecer seu potencial e viabilizar seus planos.

10. Tentar, sempre! Quantas vezes forem necessárias; e não desistir até que se sinta feliz com a vida que tem vivido. Proponha uma conversa, uma viagem, faça um curso, leia um livro, escreva uma poesia, cante alto, realize qualquer coisa, mas realize! Encontre-se no âmago de si mesma e descubra-se feliz... Porque ser você tem que valer a pena!
 Uma ótima tarde!!!

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Seja bem vindo ao meu cantinho.Regras para comentários
1. Comentários postados sem nome não serão mostrados.

2. Comentários com perfis sem acesso ao público também não serão mostrados.

3. Comentários ofensivos não serão mostrados. Ninguém é obrigado a permitir falta de educação.

4. Se você sofre de analfabetismo funcional, então nem leia os textos, pois com certeza não vai entender o que está escrito e seus comentários não serão de acordo com o assunto.

5. Resumindo: se quiser debater e discordar de mim, esteja à vontade. Mas peço gentilmente que seja um debate civilizado. E se você não tem coragem de mostrar quem é, melhor ficar no anonimato e procurar outro blog.

6. A sua liberdade termina onde começa a minha, certo? Se não, qualquer um faria o que desse na cabeça. Assim como cada um deve respeitar o dono da casa ou a soberania de um país, aqui você deve agir da mesma forma.! Ok
OBS: Se seu comentário não foi publicado é porque você não conseguiu adoça o meu cantinho. Não alimente a derrota continue tentando.