14 de agosto de 2010

Hum alguém sorriu só porque se lembrou de você

Sandálias feitas com absorventes
Haja criatividade.

Você usaria?

A vida é assim mesmo.Ela segue. Ela vai. Ela leva. Ela empurra. E tudo que parece tão importante fica pequeno, porque, no fundo, a pequenez está em nós. Mesmo os grandes homens e mulheres, mesmo os poetas mais sensíveis, os gênios mais inteligentes, os aventureiros mais corajosos, as pessoas mais importantes… Mesmo esses com o tempo viram só uma lembrança distante. Como um quadro que você põe na parede e se acostuma a olhar. O impacto da primeira vista se apaga com o tempo, tudo fica gasto e amarelo, desbotado e sem graça.

De vez em quando a gente tenta se convencer do contrário. Tenta achar que a lua está no céu só pra enfeitar a sua noite. Que alguém sorriu só porque se lembrou de você. Que alguém te ama tanto que seria capaz de abrir mão de qualquer coisa para te fazer feliz. Tenta se convencer de que o mundo estende um tapete colorido só pra você passar. De que seu amor é tão forte e mágico que pode salvar alguém de si mesmo.

Tenta acreditar que naquele quesito, naquela partezinha, naquele particular, naquele pedacinho bem específico… A gente é realmente diferente e especial. De vez em quando, a gente tenta se convencer de que, pelos próprios méritos, merece o amor das pessoas. E então se dá conta de que, se amor fosse por merecimento, ninguém seria amado. E fica com aquela falta de jeito enroscada dentro, apertando o coração.

Pois é… muitas vezes nos sentimos assim mesmo… Mas pensando a respeito do assunto, não temos como não compreender que nesta vida fazemos parte da história e estamos aqui para fazer parte da vida das pessoas. Na realidade somos exatamente a soma de tudo aquilo que vivemos e as pessoas que encontramos e nos relacionamos fazem toda a diferença. Temos nossa identidade: o que somos e no que acreditamos é parte de nossa educação e de nossas afinidades. Nossa família, nossa mãe, nosso pai e nossos irmãos. Nossos amigos maravilhosos, nossos amores e nosso grande e verdadeiro amor.

Os maravilhosos professores que tivemos, profissionais com os quais tivemos o feliz merecimento de aprender, aquelas pessoas que nos deram uma chance e acreditaram em nós mesmo quando subestimamos a nós mesmos. Pessoas que passaram rapidamente em nossas vidas e talvez nunca mais vejam, porém, sabemos que para sempre elas deixarão marcas positivas porque modificaram nossas ações. Tudo isso faz parte integrante da nossa mais profunda essência e contribui constantemente para a formação do nosso caráter e de nossa evolução pessoal.

E da mesma forma que tantas pessoas são assim, fundamentais, certamente nosso papel está representado dessas diversas maneiras para muitas e muitas pessoas por ai… De vez em quando me deparo com pessoas que sabem o meu nome, se recordam de mim e sabe onde trabalhei ou onde morei.

E eu nem lembrava que essa pessoa existia. Outras vezes vem aquela palavra doce de uma Cliente, ou de sua mãe ou esposo recordando um acontecimento que foi importante na vida deles e que, se não fosse nós, a história deles não seria a mesma, sabe por que? Porque não podemos prever a vida, não podemos prever se poderia surgir alguém melhor ou pior do que nós. A vida é feita do aqui e agora e naquele momento fomos nós que fizemos a diferença e não outros. Isso sim é fato! E neste momento sabemos que assim como muitos são especiais e fundamentais pra gente, também representamos tudo isso na vida de outras pessoas porque a vida é mesmo um eterno ciclo. Você, para mim, fez e faz a diferença e talvez você nunca tenha idéia do quanto aprendi contigo e do quanto essas aprendizagens modificaram minhas ações e se transformaram em aprendizagem para os outros com os quais convivi.

E isso acontece porque, neste caso, eu fui à agente transformadora e só eu senti na pele as modificações que essa convivência sadia de aprendizagem me trouxe. Você só terá idéia do quanto isso foi importante pra mim quando você se colocar no meu lugar e lembrar-se do momento que isso ocorreu contigo, em outra experiência que você teve com outra pessoa. Percebe como se faz todo esse ciclo? Mas na verdade só enxergamos a vida por esse ponto de vista quando estamos num estado de vida, ou num dia, otimista. Estou aprendendo que a vida se faz do ponto de vista que você pretende enxergar.

E digo mais, tudo depende mesmo do nosso estado de espírito, num dia estamos muito carentes, no outro estamos mais otimistas e esperançosos. E experimentado, vivendo de tudo, de todos os sentimentos, naturalmente os seres vão buscando o seu equilíbrio e vão evoluindo para serem mais humanos. Não sei se eu consegui colocar aqui exatamente o que eu queria dizer. Espero ter sido mais clara do que Confusa. Mas se fui confusa, também, não tem problema, pois de uma próxima vez aprenderei a me expressar melhor, Rsrsrs...
Otimismo na vida é tão fundamental quanto ter AMOR!
Amo sempre suas visitas… Beijoooo!!!!!

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Seja bem vindo ao meu cantinho.Regras para comentários
1. Comentários postados sem nome não serão mostrados.

2. Comentários com perfis sem acesso ao público também não serão mostrados.

3. Comentários ofensivos não serão mostrados. Ninguém é obrigado a permitir falta de educação.

4. Se você sofre de analfabetismo funcional, então nem leia os textos, pois com certeza não vai entender o que está escrito e seus comentários não serão de acordo com o assunto.

5. Resumindo: se quiser debater e discordar de mim, esteja à vontade. Mas peço gentilmente que seja um debate civilizado. E se você não tem coragem de mostrar quem é, melhor ficar no anonimato e procurar outro blog.

6. A sua liberdade termina onde começa a minha, certo? Se não, qualquer um faria o que desse na cabeça. Assim como cada um deve respeitar o dono da casa ou a soberania de um país, aqui você deve agir da mesma forma.! Ok
OBS: Se seu comentário não foi publicado é porque você não conseguiu adoça o meu cantinho. Não alimente a derrota continue tentando.