21 de março de 2010

Quanto mais o tempo passa, é você que estou esperando na minha vida.


Depois de passar a semana toda trabalhando,
Ontem mim animei e pequei o carro e fui para Ilha de Itaparica
Onde me encontro agora escrevendo.
A travessia entre Salvador e a Ilha de Itaparica e no mínimo 45 minutos,
um passeio de ferry boat maravilhoso.
Com aquela brisa do mar no rosto tudo de bom..
Mas hoje ao acorda mim deparei debaixo de uma tempestade
e trovoada sozinha em uma casa me deu pânico para volta.
Sua amiga aqui é medrosa ainda mais com trovão aff que medo..

O dia pareceu tão lindo e que hoje ia da praia mim encanei.
Às vezes faço essa travessura de pegar o carro e sair sem destino. Mudar um pouco o ar dos pulmões faz muito bem para saúde principalmente a mental.

As vezes temos que saber o que é possível, é o começo da felicidade
O dia está na minha frente esperando para ser o que eu quiser.
Não importa se esta caindo um temporal ou não, e aqui estou eu, sinto a chuva fina tocar o meu rosto, Sinto como chorasse. Mais o importante e fazer as coisas acontecer no meu retiro dos pensamentos.

Ah! Que diferente sensação de não voltar no passado e ao mesmo tempo voltando ao passado.
Uma incrível sensação de presente, sensação de maravilha.
Erros, erros. Quem não os comete? Pois eu os cometi aos punhados, seja passado ou presente, sempre há um erro mal contado pelo caminho e, quer saber?
Não me arrepende de nada!
Não me arrependo das noites mal dormidas, das insanas atitudes que muitas vez tomei de ter tido medo, de ter vivido tudo quando nada deveria viver. As coisas acontecem assim e não é a primeira vez.

Sempre deparamos com o passando a nossa frente e hoje eu tenho!
Tenho tudo o que sempre tive, mas agora você me olha nos olhos, me segura pela cintura, agarra minhas mãos quando penso em ir embora. Você diz: que podemos tenta novamente sua era já passou a fila anda baby.
Hoje já não tenho medo de fazer tudo errado, já não tenho o pavor de ser ignorada ou humilhada por mim mesma cada vez que você não aparecia para me vê.
É a última vez faz tempo mesmo. Você com 22, e eu com 19 anos muitos jovens, eu ainda não me preocupava com o carro, mas sim com o horário; enquanto minha mãe chorava em casa sem notícias minhas eu bebia pra esquecer que você não me via.
E agora? Agora você me olha, me sente, fala comigo, senta ao meu lado, me ensina a trucar bem alto quando tenho a carta certa.

E agora não me preocupo mais com a hora por causa da minha mãe, mas aquela jovem que você conheceu Hoje tem corpo de mulher, voz de mulher, roupas, poses, atitudes!
Não há reação. É sempre o mesmo, sempre as mesmas palavras, os mesmos números, os mesmos comentários... E as mesmas caras, as mesmas discussões, as mesmas tentativas de se enganar para não fazer loucuras.
Eu me controlo. Eu vou embora.

E me sinto um nada novamente por não ter coragem de tomar a atitude que minha vida diz ser certa. Uma coisa à toa, que passa despercebida. Quando tudo o que eu queria era um sorriso, um olhar, um beijo.
Um beijo! O que é um beijo em quem se ama? É muito mais do que qualquer coisa, mas não, temos que nos comportar porque a rotina pede assim.

E ainda me perguntam por que me encanto com você por pegar em minhas mãos hoje, depois de tanta humilhação que passei. Sabe por quê? Por que nada na minha vida tem sentido sem emoção, sem uma pontinha de novidade.
O que tem me prendido os pés no chão são as lembranças de como tudo ainda pode ser, além de meus tantos quilômetros por hora na noite vazia e cinzenta.
Não posso e não quero parar. Escolhi assim, só me falta coragem, todo o resto e uns anos a mais.

Mais ao mesmo tempo o meu coração se delícia com novas palavras com pessoas que mim vem à cabeça de ser alguém tão importante para mim e ao mesmo tempo o penso em fazer uma simples pergunta e estraga esse momento especial que estou vivendo.
O passando já foi gosto de viver o presente com todos os medos e desamores que a vida nos proporciona.

Quanto mais o tempo passa, é você que estou esperando na minha vida.
Meus lindos:
♥♥Beijos♥♥
Que o seu dia seja maravilhoso...

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Seja bem vindo ao meu cantinho.Regras para comentários
1. Comentários postados sem nome não serão mostrados.

2. Comentários com perfis sem acesso ao público também não serão mostrados.

3. Comentários ofensivos não serão mostrados. Ninguém é obrigado a permitir falta de educação.

4. Se você sofre de analfabetismo funcional, então nem leia os textos, pois com certeza não vai entender o que está escrito e seus comentários não serão de acordo com o assunto.

5. Resumindo: se quiser debater e discordar de mim, esteja à vontade. Mas peço gentilmente que seja um debate civilizado. E se você não tem coragem de mostrar quem é, melhor ficar no anonimato e procurar outro blog.

6. A sua liberdade termina onde começa a minha, certo? Se não, qualquer um faria o que desse na cabeça. Assim como cada um deve respeitar o dono da casa ou a soberania de um país, aqui você deve agir da mesma forma.! Ok
OBS: Se seu comentário não foi publicado é porque você não conseguiu adoça o meu cantinho. Não alimente a derrota continue tentando.